Viagem

O que Buenos Aires tem de Melhor.

Viajar para Buenos Aires é uma ótima escolha, além de conhecer a capital da ARGENTINA você terá a oportunidade de conhecer a Capital do TANGO.

Buenos Aires tem uma infinidade de pontos de interesse e alguns são muito tradicionais entre turistas, principalmente para quem está em sua primeira viagem. A proximidade com o Brasil e a enorme oferta de passagens aéreas com promoções Buenos Aires se torna um dos destinos mais procurados por brasileiros para uma primeira viagem internacional.

Na internet você vai encontrar muitos ROTEIROS e DICAS aqui vou falar um pouco da sobre a Minha Viagem para Buenos Aires.

1. PUERTO MADERO

Se você procura uma boa noite em Buenos Aires, não deixe de visitar o PUERTO MADERO que é onde está o porto da cidade. Este bairro na costa de Buenos Aires é a parte mais moderna da cidade, o local tem um ar mais sofisticado e é um dos espaços mais frequentados cheio de BARES e RESTAURANTES.

Na nossa visita chegamos antes do pôr do sol fizemos uma caminhada por todo o porto e visitamos:

Puente de la Mujer

Traduzido como Ponte da Mulher, esta passarela é um marco contemporâneo projetado pelo famoso arquiteto espanhol Santiago Calatrava e chama a sua atenção imediatamente. O conceito arquitetônico da obra é um casal dançando tango.

Onde Comer:

Restaurante Siga la Vaca

Local Super Aconchegante um preço justo e fomos muito bem servidos com o Buffet de cortes de carne Argentina e o seu tradicional vinho.

Localização: A. Moreau de Justo 1714, Puerto Madero

https://sigalavaca.com

Durante a caminhada aproveitamos algumas pausas para um chopp, para quem gosta lá tem uma grande variedade de oferta.

2. PALERMO

É uma região nobre e luxuosa, ao caminhar pelas ruas de Palermo você vai se deparar com mansões e prédios lindos. Um bairro para quem tem dinheiro no bolso.

O que visitar:

Rosedal: trata-se de um jardim de rosas recheado de atrações e o lugar é perfeito para aproveitar os dias ensolarados em Buenos Aires. O parque fica situado nos Bosques de Palermo, que é uma região da cidade onde se encontra vários parques.

Jardim Botânico: 

O Jardim Botânico também faz parte dos parques dos Bosques de Palermo e fica coladinho com a estação de metrô da Praça Itália.

Este monumento nacional tem quase 170 anos de idade e foi projetado com mais de 5.000 espécies de plantas, belas esculturas e jardins de inverno. E detalhe, a visita é totalmente gratuita.

Horário de funcionamento: de terça a sexta das 8h às 18h45 e aos sábados, domingos e feriados das 9h30 às 18h45 (no inverno o parque fecha 1 hora mais cedo)

Jardim Japonês

Jardim Japonês é uma das atrações mais curiosas de Buenos Aires. O parque foi construído em 1967 quando o imperador japonês visitou a Argentina. Nele há uma variedade incrível de plantas, cachoeiras, riachos e até é possível encontrar uma biblioteca. Esse é um parque muito agradável e relaxante, por isso vale a pena visitá-lo pela manhã e ver os peixes coloridos nos lagos. Se você quiser comer algo, lá encontra-se um restaurante, e para quem quiser tomar um autêntico chá japonês, também tem uma casa de chá. Na saída do local tem uma linda árvore de origamis.

Horário de funcionamento: diariamente, das 10h às 18h.
Entrada: 120 pesos argentinos e a entrada é gratuita para menores de 12 anos.
Sitewww.jardinjapones.org.ar/

Planetário Galileo Galilei

O planetário é um dos destaques arquitetônicos dos Bosques de Palermo, um lugar lindo situado de frente com um lago que durante à noite fica todo iluminado. Sua estrutura em forma de cúpula foi inspirada no planeta Saturno. E detalhe, o lugar é ideal para quem viaja com crianças, pois também é oferecido espetáculos interativos para os pequenos. Quando fomos o Planetário estava fechado, aproveitamos as sombras para sentar apreciar o local e descansar. Sim descansar pois fizemos o percurso todo caminhando e que caminhada… RSRSR

Sitewww.planetario.gob.ar

3. RECOLETA

Cemitério da Recoleta – Pode parecer estranho, mas é isso mesmo: o cemitério da Recoleta é um dos “pontos turísticos” mais visitados de Buenos Aires. No lugar estão enterradas algumas celebridades argentinas, entre elas o General Alvear e Evita Perón, cujo túmulo sempre está com flores. Na visita guiada gratuita dentro do cemitério (ou com o mapa que é vendido na entrada) é possível conhecer detalhes dos túmulos mais importantes, alguns deles são considerados monumentos históricos nacionais. Complete a visita com a Igreja Nuestra Señora del Pilar e o ótimo Centro Cultural Recoleta, que ficam bem ao lado, assim como o shopping Buenos Aires Design, onde está o Hard Rock Café.

Museu Nacional de Belas Artes (MNBA)

Um dos mais importantes museus da América Latina, conta com um acervo impressionante, onde obras de artistas como Picasso, Monet, Goya, Van Gogh, entre outros podem ser vistos sem precisar ir a Europa.

** Não fizemos a visita interna

MALBA (Museo de Arte Latinoamericano de Buenos Aires)

Museu especializado em obras de arte da América Latina, com acervos que vão da arte modernista dos anos 20 ao contemporâneo da atualidade. Obras de artistas como Frida Kahlo, Tarsila do Amaral e Di Cavalcanti, entre outros, podem ser vistos no interior do museu.

** Não fizemos a visita interna

Floralis Generica

Na Plaza de las Naciones Unidas, a Floralis Generica foi um presente do arquiteto argentino Eduardo Catalano ao país. Era a época da grande crise nacional de 2001, e, segundo ele, a flor serviria como um símbolo do ressurgimento da nação argentina depois de anos de decadência.

A peça é feita de aço inoxidável e sua maior característica é o movimento de suas pétalas, que abrem e fecham, como uma flor real.

É uma escultura lindíssima, que reflete tudo ao seu redor, devido a seu material.

4. CENTRO

Obelisco de Buenos Aires

Localizado a leste da Avenida 9 de Julio – avenida mais larga do mundo

Teatro Colón

O Teatro Colón é símbolo da cultura de Buenos Aires e está entre os mais importantes do muito por sua acústica impecável.

** Não fizemos o Tour interno que é pago.

Galerias Pacífico

Hoje um shopping center no Centro do Buenos Aires, foi construído como uma loja no estilo francês em 1889. Após isso, já foi a primeira sede do Museu Nacional de Belas Artes e o escritório da companhia de trens que iam de Buenos Aires até o Oceano Pacífico argentino, daí o nome atual.

Catedral Metropolitana de Buenos Aires

É a maior e mais importante igreja de Buenos Aires.  É famosa por ter sido um dos locais de atuação do atual Papa Francisco.

Plaza de Mayo

A Plaza de Mayo é o lar de importantes casas do governo local e nacional, como a Casa Rosada (Casa Presidencial), o Cabildo (que era a Casa do Governo, durante o período colonial), a Catedral Metropolitana, entre outros magníficos edifícios

Casa Rosada

Tornou-se o marco político mais importante de Buenos Aires desde a Independência da Argentina, 1810. Pessoas com diferentes ideologias políticas se reúnem aqui em manifestações políticas como as organizadas por Evita Peron ou pelas Mães e Avós da Plaza de Mayo.

Feira de San Telmo

Conhecida pela venda de antiguidades, a Feira de San Telmo acontece aos domingos em Buenos Aires. Por toda sua extensão de um quilometro é possível fazer compras, ver apresentações de dançarinos, músicos e artistas em geral e conhecer um pouco mais sobre a cultura argentina.

**Fomos ao local, porém não era dia de feira (não pegamos um domingo de manhã na cidade)

5.  LA BOCA

Caminito 

Nos hospedamos no Centro e fizemos o percurso Centro/Caminito de ônibus com o cartão do recepcionista do Hotel e com o mapinha que ele mesmo fez pra nós. (Ele foi muito atencioso e solicito). E olha o que eu encontrei no percurso…

Um FURÃO

O Caminito é uma rua famosa por suas casas coloridas (que eu fiquei APAIXONADA) localizada no bairro de La Boca. Bairro formado por imigrantes italianos e de origem pobre, o Caminito é perfeito para fazer aquela caminhada vendo a arquitetura local inusitada, casais dançando tango por todos os lados, restaurantes e artesanato (Claro comprei algumas coisinhas por lá).

Lojas HAVANA

Sim eu entrei em VÁRIASSS… Porque o alfajor é perfeito e vicia e o local é super agradável para um café (cappuccino…). Essa foi a que mais me encantou, quantas cores, como é lindo.

La Bombonera

O bairro de La Boca é famoso também por ser lá que fica o estádio do Boca Juniors, o La Bombonera.

Fizemos o TOUR pelo estádio, chegamos lá exatamente na hora que ia começar a visita guiada. SIM É PAGO.

Para obter mais informações, com os valores de entrada atualizados, veja o site do museu e o setor do tour pelo estádio.

Após a visita almoçamos em um local bem tradicional para os torcedores do Boca Juniors

 

Lugar bem simples, porém atendimento e preço nota 10! Meu Pai AMOU… Olha ele fazendo toda uma pose.

6. TANGO

Você vai ter que escolher uma noite ao menos para conhecer o tradicional Show de Tango, que eles vendem acompanhado do Jantar.

Eu particularmente me senti enganada, pois eles servem o jantar numa AGILIDADE se você demorar muito a comer eles já recolhem seu prato, serve a sobremesa para na sequencia já iniciar o espetáculo que realmente é MUITO BOM. Se eu não estivesse ficado com fome pela forma como é servido o jantar teria realmente aproveitado bem mais o espetáculo.

Existem INÚMERAS opções, então espero que você acerte na sua.

NA MESMA VIAGEM fomos conhecer o ZOO LUJÁN que será o assunto do Próximo post.

 

HOSPEDAGEM EM BUENOS AIRES

Já experimentou alugar um apartamento no Airbnb? Ganhe R$130 em créditos para usar em sua primeira reserva no site.

Aproveite cada minuto. Viajar é o melhor investimento SEMPRE.

E não esqueça de aproveitar que VIAGEM INTERNACIONAL você pode se deliciar no Duty Free BRASIL.

Aproveite pra dar uma olhada no que está compensando investir. Na viagem de retorno ao Brasil acabamos investindo em tênis da Nike que estava SUPER COMPENSANDO.

Beijos

da

Mary

Um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *